10/02/2017

O que (não) comprar na Primark

Como vocês sabem (ou deviam saber), eu moro na cidade do bom peixe e das praias lindas – Setúbal. Para além da gastronomia, uma das grandes vantagens de aqui morar é que estou bem pertinho da capital. Em meia hora ponho-me em Lisboa e, claro, depois há a Fertagus, que é a empresa que liga a margem sul do Tejo a Lisboa de comboio – onde circula tudo o que é estudante universitário ou jovem sem carta. Não ias falar da Primark? Calma, ainda me falta contar outro privilégio de morar na cidade de Bocage: a Primark do Almada Fórum fica a vinte e cinco minutos de distância.

Para quem ainda não sabe o que é a Primark, passo a explicar: é aquela loja que as tias desprezam (mas estão sempre lá), aquela loja das mantas super quentes (e não tão acessíveis quanto tudo o resto espalhado pela loja), dos pijamas que a tua amiga leva para as sleepovers e da maioria dos presentes de Natal que as amigas (mas não tão amigas) oferecem umas às outras. Apesar da grande variedade de produtos e dos preços super baixos, nem tudo vale a pena comprar.

Calças e sutiãs

Não sei se isto acontece com toda a gente, mas acho as calças da Primark para mulher (as de homem são muito boas) uma grandessíssima porcaria. Aquilo alarga por tudo quanto é fibra, as gangas não são bonitas e assentam mal no corpo. Os sutiãs são todos muito bonitos, mas também alargam bastante.

Pijamas, cuecas e meias

São das minhas coisas preferidas da Primark. São baratos, duram que se farta e há imenso por onde escolher. As cuecas começam a desbotar, mas não alargam. Claro, não é o mesmo que ir a uma loja especializada e comprar roupa interior que dura uma vida, mas serve bem para uns meses de uso regular.

Mantas, itens decorativos e velas

Eu só compro mantas na Primark. Estranhamente, não são tão baratas quanto isso. São muito quentes, bonitas e não largam pêlo (o que é ótimo). Já os itens decorativos, as almofadas, os lençóis e tudo o que pertence à secção Primark Home vale muito a pena comprar, é pena não explorarem mais esse departamento. Decora-se a casa com coisas lindas e gastando muito pouco. As velas também são ótimas, de longa durabilidade e com aromas fantásticos.

Bolsas, bijutaria e calçado

Malas, carteiras, bolsas de maquilhagem ou necessaires são alguns dos produtos em que se deve investir na Primark. O preço é muito inferior à sua qualidade e têm sempre muito por onde escolher. O mesmo acontece com todos os acessórios, tenham é cuidado com as alergias se costumam ser sensíveis a alguns acessórios (brincos, colares, anéis). Já o calçado, é barato, dura algum tempo e é bonito.

 

Toalhitas, produtos de limpeza de pincéis, beauty blenders e champô seco

As toalhitas são muito mais baratas que em qualquer supermercado (se analisarem a relação entre a quantidade e o preço) e servem bem para tirar maquilhagem. Comprei uma luva de limpeza de pincéis com a qual fiquei muito satisfeita e limpou muito bem todos os meus pincéis de maquilhagem. A beauty blender que comprei também serve o seu propósito, mas tenho de a lavar com mais frequência, porque tem maior tendência a ganhar odores – also known as bactérias. O champô seco, que é extremamente difícil de encontrar, é bastante barato e muito bom para quem tem o cabelo oleoso (o que não é o meu caso, mas conheço quem já tenha testado)

Maquilhagem e pincéis

Não compro maquilhagem e pincéis na Primark, só batons. Já comprei e não volto a comprar. Não sou pessoa com tendência acneica, mas, ao usar maquilhagem desta loja, entram em erupção pequenos vulcões na minha cara. Para além disso, os acabamentos de qualquer produto de maquilhagem em pó são horríveis (quer dizer, são horríveis para quem detesta poros super dilatados). Os pincéis ganham um cheiro horrível com o tempo e parecem pequenas florestas bacterianas. Se for para gastar dinheiro em maquilhagem da Primark, mais vale guardarem-no e comprarem numa loja de confiança quando puderem.
E vocês? O que gostam de comprar na Primark? Também partilham os meus desgostos com alguns produtos?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Don't miss a thing!

Hi! I'm Inês, a near Lisbon based brunette, currently starting a Law degree. If you want to get exclusive unpublished articles (such as my lasagna recipe), a lot of freebies and a monthly update on what's going on in here, don't forget to sign up to our newsletter.